Psicologia

Objetivos do Curso

O Curso de Psicologia da FAAr √© uma forma√ß√£o de psic√≥logo com √™nfases em psicologia organizacional e/ou psicologia da sa√ļde. E teve seu funcionamento autorizado pela portaria MEC n¬ļ. 416/2006. √Č um curso com 4.220 horas de carga hor√°ria total, com Integraliza√ß√£o em 05 anos e funcionamento noturno.

Perfil do Egresso

O curso de Psicologia da FAAr está adequado ao parecer CNE/CES/62 de 19 de fevereiro de 2004 que Institui as diretrizes curriculares nacionais para os curso de graduação em Psicologia. Ao adequar-se a estas diretrizes, o curso de Psicologia da FAAr está organizado em competências e habilidades básicas e competências e habilidades complementares.

E justamente na formação de competências e habilidades básicas, que podemos perceber a formação do psicólogo quanto a aspectos da formação histórica da Psicologia no Brasil, contemplando experiências na clínica psicológica. Vejamos algumas delas.

Identificar e analisar o fen√īmeno psicol√≥gico elaborando diagn√≥sticos e projetos, implementando a√ß√Ķes preventivas e remediativas, de acordo com o referencial te√≥rico escolhido e as caracter√≠sticas do contexto.

Selecionar e utilizar instrumentos e procedimentos de avalia√ß√£o psicol√≥gica (observa√ß√£o, entrevistas, invent√°rios, question√°rios, testes e escalas), considerando aspectos relacionados √† sua aplica√ß√£o, constru√ß√£o e valida√ß√£o. Avaliar problemas psicol√≥gicos desencadeados por aspectos cognitivos, comportamentais e afetivos em situa√ß√Ķes diversas.

Orientar pessoas e mediar processos grupais valorizando as diferen√ßas individuais. Atuar em diferentes contextos, individualmente ou em equipes multiprofissionais, considerando as necessidades sociais, os direitos humanos, tendo em vista a promo√ß√£o da qualidade de vida dos indiv√≠duos, grupos, organiza√ß√Ķes e comunidades.

Respeitar a √©tica nas rela√ß√Ķes com clientes e usu√°rios, com colegas, com o p√ļblico e na produ√ß√£o e divulga√ß√£o de pesquisas, trabalhos e informa√ß√Ķes da √°rea da Psicologia. Favorecer a emerg√™ncia de v√≠nculos interpessoais relevantes na sua atua√ß√£o profissional.

Compreender criticamente os fen√īmenos sociais, econ√īmicos, culturais e pol√≠ticos do Pa√≠s, relacionando-os ao exerc√≠cio da cidadania e da profiss√£o. Em conson√Ęncia com as Diretrizes Curriculares, temos a seguinte forma√ß√£o de compet√™ncias e habilidades complementares.

Compreender a din√Ęmica do campo de atua√ß√£o do profissional da psicologia e suas inova√ß√Ķes. Realizar a avalia√ß√£o do contexto profissional em suas dimens√Ķes institucional e organizacional. Atuar na promo√ß√£o da cidadania, da sa√ļde, do desenvolvimento e da qualidade de vida de pessoas e grupos sociais.

Intervir em contextos diversos no n√≠vel preventivo e remediativo dos problemas psicol√≥gicos com aten√ß√£o √†s suas especificidades. Realizar avalia√ß√£o diagn√≥stica de indiv√≠duos, grupos e organiza√ß√Ķes. Atuar na orienta√ß√£o e aconselhamento psicol√≥gicos.

Mediar processos grupais em situa√ß√Ķes sociais diversas. Produzir relat√≥rios, laudos t√©cnicos e outras comunica√ß√Ķes profissionais. Participar de contextos de comunica√ß√£o cient√≠ficos e f√≥runs diversos.

Para tanto, o Curso de Psicologia da FAAR est√° organizado por eixos estruturantes, que s√£o:

  • Fundamentos Epistemol√≥gicos e Hist√≥ricos
  • Fen√īmenos e processos psicol√≥gicos b√°sicos: onde est√£o disciplinas como
  • Desenvolvimento Humano, Personalidade, Psicoterapia I e II, T√©cnicas
  • Psicoter√°picas e Disfun√ß√Ķes do Psiquismo.
  • Fundamentos Metodol√≥gicos e Procedimentos para a Investiga√ß√£o Cient√≠fica
  • Instrumentos b√°sicos para a pr√°tica psicol√≥gica: onde est√£o disciplinas como psicodiagn√≥stico e t√©cnicas de avalia√ß√£o psicol√≥gica
  • Bases Biol√≥gicas da Psicologia
  • Psicologia e Processos S√≥cios Culturais
  • √Āreas de aplica√ß√£o da psicologia: ecopsicologia, psicologia escolar, da fam√≠lia, comunit√°ria, entre outras.
  • Psicologia, Ci√™ncia e Pr√°tica Profissional

 

E o Eixo Estruturante das √™nfases em psicologia organizacional e psicologia da sa√ļde.

Estas √™nfases foram definidas ap√≥s cuidadoso estudo atrav√©s das pesquisas do Conselho Federal e Regional de Psicologia e informa√ß√Ķes s√≥cias econ√īmicas regionais. E apesar de muitas √°reas serem carentes de profissionais em Psicologia, optamos por estas duas, por compreender que elas complementam a forma√ß√£o de Psic√≥logo para Rond√īnia, tendo em vista a forma√ß√£o de √™nfases em outros cursos particulares do estado. O (A) Acad√™mico (a) do Curso de Psicologia da FAAr poder√° cursar as duas √™nfases concomitantemente, a partir do 8¬ļ Semestre. Na FAAr acreditamos em formar profissionais n√£o apenas para o mercado de trabalho, mas para uma conviv√™ncia mais humanizada e √©tica em nossa sociedade.